Wacross
Wacross #1
Autora: Marie Lu
Ano: 2018 / Páginas: 320
Idioma: Português
Editora: Fantástica Rocco
Nota: 5/5 ❤

Amazon

Sinopse: Autora das bem-sucedidas trilogias Legend e Jovens de Elite e nome forte da literatura jovem internacional, Marie Lu mergulha no mundo da tecnologia em Warcross. Neste eletrizante thriller de ficção científica, Emika Chen é uma hacker de 18 anos com uma vida financeira difícil. Num golpe de sorte do destino, ela se torna milionária ao ser contratada pelo criador do Warcross, um jogo de realidade virtual que virou febre em todo o mundo, para evitar um ataque em massa que estaria sendo planejado contra a plataforma – e seus milhões de usuários – durante a cerimônia de encerramento de um grande campeonato. Mas a garota logo conhece o lado sombrio do sucesso, à medida que a final se aproxima e pistas ameaçadoras começam a surgir. De onde partirá o ataque ao maior fenômeno da tecnologia mundial? Imersa no universo do Warcross, Emika descobre que escolher em quem confiar pode ser o jogo mais arriscado de todos.

Resenha: Uma aventura eletrizante com muito hacker e realidade virtual ❤

Para os amantes de Marie Lu, Warcross tem um pouco de cada um dos seus sucessos. Enquanto em Legend, Juliet era a rica e educada e Day era o garoto rebelde das ruas, em Warcross há uma inversão desses papeis, assim como já fez em Jovens de Elite, Hideo Tanaka é um rico e jovem empreendedor que inventou um jogo revolucionário de realidade virtual, enquanto Emika Chen é a adolescente que precisa recorrer aos mais diversos meios (legais e ilegais) para sobreviver.

Warcross tem reviravoltas estilo Jovens de Elite, ao mesmo tempo que apresenta um mundo e realidade completamente diferente. Warcross é o nome do jogo criado por Hideo Tanaka, porém o mundo do jogo se mescla com o mundo real e a realidade virtual faz parte do dia a dia das pessoas. Algo como em Jogador Nº 1 (Ernest Cline), até as pessoas menos favorecidas socialmente têm acesso ao jogo, principalmente como uma forma de escapar de sua realidade cruel.

Emika Chen é uma hacker e sempre foi fã de Hideo, começou desde criança a programar e aprendeu tudo sobre isso sozinha pela própria necessidade e curiosidade. Um dia, ela é colocada na parede e precisa ganhar dinheiro rápido para conseguir pagar o aluguel e não ir morar nas ruas, sua escolha a coloca no caminho de Hideo que se interessa pela sua habilidade como hacker e a contrata para ir atrás de uma ameaça ao seu jogo.

O livro explora vários aspectos das vidas dos protagonistas, tanto Hideo quanto Emika tem passados muito distintos e que são fundamentais para compreender suas motivações, sentimentos e valores.

A relação de Emika com os demais personagens é bem desenvolvida, apesar de provavelmente devesse ter sido mais explorada e mostrada para explicar melhor algumas lealdades no final do livro.

É o primeiro livro da Marie Lu que não possui personagens de 16 anos, ambos Hideo e Emika são maiores de idade, o que tecnicamente o tira do gênero YA para se estabelecer na ficção científica. Assim, Warcross é um livro inteligente, com reviravoltas inesperadas e ações eletrizantes. É impossível parar de ler até finalmente descobrir o que está acontecendo no universo do livro e o ele ainda acaba com um enorme gancho para o segundo e último volume da duologia, Wildcard

Recomendo para quem gostou de Jogador Nº 1 (Ernest Cline), Jovens de Elite (Marie Lu) e Heróis de Novigrath (Roberta Spindler).

assinaturalidiatexto

Um comentário em “Warcross – Marie Lu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s