Este ano, tive uma grande mudança na vida de leitora/consumidora de livros, comecei a traduzir alguns títulos através do site Babelcube. Esse trabalho freelancer mudou muito a forma como me relaciono com livros e, é claro, também tomou grande parte do horário que eu geralmente usava para ler por diversão.

Como são trabalhos meus, não me sinto a vontade de dar nota ou fazer resenhas elaboradas sobre as histórias deles, então vou contar um pouco do processo de tradução de cada um e falar um pouco deles pra vocês ❤

1. O Pesadelo dos Meus Mestres – 1ª Temporada, Episódios de 1 – 5, da Marita A. Hansen

Minha primeira tradução e já foi super trabalhosa e complexa. O modo detalhado como Marita narra a história de Rita Kovak, uma agente do FBI que se infiltra na máfia italiana, e todas políticas e relações de poder envolvidas são de se admirar. É um daqueles livros nos quais as barreiras entre bem e mal frequentemente se cruzam, e você se vê simpatizando com quem não deveria.

Todos os pontos de vista colocados pela autora servem com um propósito e dão profundidade e complexidade para os personagens. Adorei a parceria com a autora, ela foi muito presente e envolvida durante o processo de tradução do livro ❤

Já estou traduzindo a continuação que deve sair no primeiro semestre do ano que vem!

2. Touchdown, da Roxy Sinclaire

Touchdown foi um livro muito leve e divertido de traduzir. Os personagens são muito fofos e sinceros, apesar de ser new adult e se passar em uma universidade, os personagens não têm todos aqueles dramalhões e brigas épicas ou traições. Eles são bem sinceros um com o outro e companheiros, achei um ótimo exemplo de relacionamento saudável e que se passa no ambiente universitário! 😉

Uma curiosidade foi que traduzi esse livro ao mesmo tempo que O Pesadelo dos Meus Mestres e traduzir ele sempre me trazia um frescor antes de traduzir o outro que é bem mais pesado.

3. Dois É Demais para Você, da Sky Corgan

Dois É Demais Para Você é um conto erótico, então foi bem rápido e leve de traduzir também. Gostei muito de traduzir o começo. Os personagens são muito bem introduzidos e faz você primeiro gostar da personalidade deles, mas depois entrar com as cenas eróticas.

4. Despedaçado, da Diana Nixon

Despedaçado foi um livro que me envolveu muito nas primeiras páginas. Lembro que eu lia até nos horários em que não devia estar traduzindo ou trabalhando, mas lia porque a história estava interessante e queria saber mais sobre os personagens.

Vou traduzir outros livros da autora para serem lançados no ano que vem 🙂

3 comentários em “Minhas Traduções Lançadas em 2018

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s