ENRAIZADOS_1498140059689555SK1498140059BEnraizados
Autora: Naomi Novik
Ano: 2017 / Páginas: 384
Idioma: Português
Editora: Rocco
Nota: 5/5 ❤

Sinopse: Autora da aclamada série Temeraire, bestseller do The New York Times, Naomi Novik introduz um mundo novo e ousado, com raízes fincadas no folclore eslavo, em Enraizados, indicado ao Hugo e vencedor do Nebula, entre outros prêmios literários. Na trama, Agnieszka e Kasia são melhores amigas e levam uma vida tranquila no vale. Mas essa tranquilidade cobra seu preço. Afinal, às margens do vilarejo onde moram fica a temida Floresta corrompida, cheia de um poder maligno desconhecido, e para impedir que ele avance para além das fronteiras da Floresta, o povo do vale conta somente com a proteção de um mago frio e ambicioso, que a cada dez anos exige que uma jovem do vilarejo seja entregue para servi-lo. Enquanto a próxima escolha se aproxima, Agnieska teme por sua bela, graciosa e corajosa amiga. Mas pode ser que ela esteja errada. Porque, quando o Dragão chegar, não é Kasia que ele vai escolher.

Resenha: Eu estava precisando ler um livro de fantasia desse nível ❤

Finalmente, tive acesso a esse livro em uma promoção de quarentena da Editora Rocco. Ganhador do Prêmio Nebulla de Melhor Livro, e indicado ao Hugo Awards, simplesmente as duas maiores premiações de livros de fantasia e ficção científica, eu obviamente estava com uma grande expectativa.

O início parece muito qualquer livro de fantasia, a cada dez anos, o Dragão, um mago famoso, guardião da região, pede como tributo pela sua proteção uma jovem de dezesseis anos para morar com ele em seu lar e ajudá-lo nos afazeres domésticos. Essa parte com certeza lembra As Mil Noites (E.K. Johnston) e a dinâmica do Dragão com a Agnieska lembra até levemente A Bela e a Fera, no início.

É interessante como a relação deles se desenvolve, e Agnieska que está em posição de aprendiz se torna muito mais e acaba mostrando que tem muito a ensinar o Dragão também. Um dos pontos mais importantes da história, é o fato a protagonista não se dá bem com a magia que o mago tenta ensinar para ela, e como ela acaba encontrando seu próprio caminho e descobrindo seu estilo de magia sozinha.

A história, é claro, não é só sobre a relação deles, é sobre a relação deles com suas comunidades, como as pessoas criam raízes e relações aonde quer que eles vão e como isso nos molda como indivíduos e sociedade. Como toda boa história de fantasia, também tem uma parcela interessante de intrigas políticas e disputas por poder. Então se você gosta de tudo isso, não deixe de ler ❤

Recomendo para quem gostou da Trilogia Grisha (Leigh Bardugo),  A Fúria e a Aurora (Renée Ahdieh) e A Rebelde do Deserto (Alwyn Hamilton).

assinaturalidiatexto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s